Segunda-feira, 28 de Dezembro de 2009

Sonic Advance vs Sonic the Hedgehog

Num post anterior, falei sobre o Sonic Advance 1 e sobre não ter gostado do level design dos primeiros níveis. Fiquei a pensar porque é senti isso.


Voltei a pegar no Sonic Advance 1 do Gameboy Advance e no Sonic 1 da Megadrive, para ver se percebia a diferença. A primeira zona dos dois jogos funcionam como muitos níveis de jogos de plataformas 2D: uma corrida de obstáculos que começa no extremo esquerdo do nível e acaba no extremo direito. Mas jogar uns minutos no Sonic Advance fez-me aperceber de uma coisa acerca do Sonic da Megadrive.


Os níveis da primeira zona do Sonic da Megadrive podem também ser divididos em três níveis de altura: há uma zona alta no nível, mais difícil de chegar e mais difícil de navegar, que precisa de mais precisão nos saltos; há uma zona intermédia, mais rápida e mais fácil, que funciona como um caminho preferencial. E há uma zona baixa no nível, mais lenta e perigosa, que funciona quase como penalidade por se ter caído das zonas mais altas do jogo. De maneira geral, é fácil sair da zona mais baixa e passar para a intermédia, mas já não é tão fácil ir da intermédia para a mais alta.



Logo no início do Sonic Advance 1, depois da parte inicial com praia e de uma grande descida (que não deixa de ser um pouco estranho, ou a praia estava muito alta, ou estamos a ir muito abaixo do nível do mar), fiquei com a impressão que o nível começa a ir para cima e para baixo indiscriminadamente. Ou seja, parece que "senti falta" de uma certa estrutura no nível. Para confirmar isto, fui ver o mapa do primeiro nível do Sonic Advance


Conclusão: afinal também parece ter estrutura! Dá para ver que este também três níveis de alturas diferentes, a mesma estrutura geral do primeiro nível do Sonic da MegaDrive. Então que se passa? 


Uma hipótese poderá ter haver com a maneira como temos acesso às várias zonas (o flow entre zonas). Mas depois de se ver o mapa do primeiro nível do Sonic da Megadrive nota-se muito bem outra coisa: não há zonas do nível principal a "flutuar".


No Sonic Advance, há secções inteiras suspensas a flutuar. No Sonic da MegaDrive, tirando algumas plataformas pequenas, está tudo "pegado ao chão". E acho que isto faz toda a diferença. Ao desenharem no background a ligação dessas plataformas superiores com o "chão", quando estamos nas zonas inferiores conseguimos ver e sentir muito facilmente que estamos num nível baixo, e que há algo acima de nós. Com essa informação, navegar no nível também se torna mais fácil, e provavelmente, mais agradável.

publicado por Terebi-kun às 11:23

editado por Yasako às 21:28
link | comentar
1 comentário:
De jonasnuts a 5 de Janeiro de 2010 às 20:46
Este post está em destaque na Homepage do SAPO, tab "Jogos".

Comentar post

 

home

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Março 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
15
17
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

Feed us!

arquivos

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

tags

animação(34)

anime(60)

bunny(11)

filmes(45)

gadgets(3)

imagem(135)

irony(8)

japanese stuff(81)

livros(15)

made in suika(134)

made somewhere else(4)

manga(13)

música(58)

politics!?(84)

random(144)

recortes(5)

science(23)

séries(12)

teatime(3)

top 5 monday!(31)

tv(33)

vhs(3)

video(108)

videogames(136)

web culture(73)

todas as tags

By:Terebi-kun!

 

E-Mail
Creative Commons License